Bella Boutique

sexta-feira, 6 de março de 2015

Prefeitura de Chapadinha, através da secretaria de agricultura, EMBRAPA e CFR desenvolvem novas técnicas de cultivo de maniva

SHARE
Blog do Kim Pereira -sexta-feira, 06 de março de 2015
Por SECOM/PMC  /  Fotos: Kim Pereira 

O trabalho realizado Prefeitura de Chapadinha, através da secretaria de agricultura, alunos da Casa Familiar Rural e Embrapa consiste em produzir manivas em estufa o suficiente para fornecer ao pequeno produtor. De acordo com pesquisador da EMBRAPA, José Ribamar Veloso, um pé de mandioca normal produz pouco mais de dez pés de maniva, já nesse sistema, um único pé, pode chegar a produzir até 480 plantas.
O projeto conhecido por sistema de propagação de manivas está sendo desenvolvido em 4 cidades em todo o Estado do Maranhão, através do Brasil sem Miséria, Chapadinha é uma das cidades que recebeu o projeto por ter uma administração municipal que apoia a agricultura local.
“O projeto de propagação rápida de manivas é realizado através do Brasil sem Miséria, que tem dois territórios: Baixo Parnaíba e Cocais. O Baixo Parnaíba conta com 16 municípios e apenas 4 estão desenvolvendo os trabalhos. Isso só é possível por causa do apoio que as prefeituras dão à agricultura. Sem esse apoio, não é possível trabalhar”, disse o pesquisador.
Foram montadas seis estufas e em cada uma foram plantados 270 brotos com 2 gemas, 540 plantas devem sair daqui, sendo que esse mesmo processo pode ser repetido até 4 vezes rendendo mais de 12 mil plantas.
A água armazenada em cada recipiente, improvisado com garrafas pet, é para criar o microclima dentro da câmara e assim, deixar o local propício para a germinação da planta.
O prazo para que as primeiras mudas cresçam é de 15 dias, quando serão retiradas e levadas para outra câmara, já pronta, chamada câmara de enraizamento, revertida com tela, para evitar o impacto, tanto da chuva quanto do sol, onde ficarão mais 15 dias sendo preparadas para o plantio em uma área de 1 hectare, já mecanizada, pela Prefeitura de Chapadinha, através da secretaria de agricultura, para o cultivo de 10 mil pés de manivas.
“ A área já foi preparada 2 vezes e já está pronta para o plantio. A prefeitura de Chapadinha, através da secretaria de agricultura, vai dá total apoio aos trabalhos realizados aqui, na Casa Familiar Rural. Vai ser dado todo o suporte técnico, porque nosso objetivo é dá continuidade ao projeto, pois já temos a estrutura e estamos capacitados para desenvolver as atividades e assim, podermos atender a todos os produtores do município”, disse o técnico da secretaria de agricultura, Lindomar Siqueira.
A previsão de colheita das manivas é para fevereiro de 2016. A partir daí, começará a distribuição dessas manivas, selecionadas e de qualidade, para que os produtores comecem o cultivo.
Os alunos da Casa Familiar Rural já se sentem preparados para tocar o projeto, que pode ajudar centenas de pequenos produtores da região. Raimundo Nonato, aluno da CFR desde 2009, conta que nunca tinha visto um projeto como este.
“ É um projeto muito bom para todos, pois vai acabar com a escassez de manivas para os produtores. Em um espaço tão pequeno, poder plantar tantas manivas. É inovador! Vamos tocar o projeto, já estamos preparados”, finalizou o aluno, Raimundo Nonato Silva.
SHARE

Author: verified_user

0 comentários:

Outros Blogs

Postagens mais visitadas

Arquivo do blog